Terça-feira
03 de Agosto de 2021 - 
Experiência, Honestidade e Compromisso a seu Serviço!

Controle de Processos

Aqui você acompanha seu processo, através da senha criada no escritório!

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,14 5,14
EURO 6,10 6,10

Newsletter

Call Center

Sede Silvânia - GO

Rua Antônio Leão Neto 40 
Centro
CEP: 75180-000
Silvânia / GO
+55 (62) 3332-2030+55 (62) 3332-1572

Sede Palmas - TO

Av. Teotonio Segurado, Ed. Amazônia Center s/n Sala 902, Em Frente ao Fórum de Palmas
Plano Diretor Sul
CEP: 77016-002
Palmas / TO
+55 (63) 3322-7278

Sede Goiânia - GO

Rua 136 761 Qd. F-44, Lt. 2-E, Ed. Nasa Business Style, 11º Andar, Parte D-32
Setor Sul
CEP: 74093-250
Goiânia / GO
+55 (62) 3602-0757

Previsão do tempo

Hoje - Aparecida do Ri...

Máx
34ºC
Min
17ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Apareci...

Máx
35ºC
Min
18ºC
Predomínio de

Hoje - Palmas, TO

Máx
34ºC
Min
18ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Palmas,...

Máx
35ºC
Min
20ºC
Predomínio de

Hoje - Gameleira de Go...

Máx
29ºC
Min
16ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Gamelei...

Máx
29ºC
Min
16ºC
Predomínio de

Hoje - Leopoldo de Bul...

Máx
28ºC
Min
12ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Leopold...

Máx
28ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Hoje - Vianópolis, GO

Máx
28ºC
Min
13ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Vianóp...

Máx
28ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Hoje - Silvânia, GO

Máx
28ºC
Min
14ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Silvân...

Máx
29ºC
Min
15ºC
Predomínio de

Webmail

Clique no botão abaixo para ser direcionado para nosso ambiente de webmail.

Home

DECISÃO: Serendipidade. São validas as provas de infração penal até então desconhecida encontradas casualmente em cumprimento de medida regularmente autorizada para investigar outro delito

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) firmou jurisprudência no sentido da “validade das provas encontradas casualmente pelos agentes da persecução penal, relativas à infração penal até então desconhecida, por ocasião do cumprimento de medidas de obtenção de prova de outro delito regularmente autorizadas desde que não haja desvio de finalidade na execução do meio de obtenção de prova” configurando-se o instituto da serendipidade, amplamente aceito pela jurisprudência pátria. Com esse entendimento, a 4ª Turma do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1) manteve a condenação da apelante pela prática do crime de operar instituição financeira sem autorização do Banco Central do Brasil (art. 16 da Lei 7.492/1986). O relator, juiz federal convocado Leão Aparecido Alves, constatou a ocorrência de encontro fortuito de provas da autoria, dolo e materialidade do delito no contexto de investigação em que a autoridade policial constatou a ocorrência da infração penal até então desconhecida. Destacou que as provas emprestadas são válidas ainda que o “crime achado” não possua conexão com o crime que estava sendo investigado, desde que o meio de execução da ordem judicial de obtenção da prova não sofra desvio de finalidade. Relativamente ao delito de usurpação, consistente em produzir bens ou explorar matéria-prima pertencentes à União, sem autorização legal (art. 2º da Lei 8.176/1991) o magistrado votou no sentido de dar provimento à apelação para absolver a ré da imputação, acolhendo o parecer do Ministério Público Federal (MPF), por insuficiência de provas no processo para fundamentar a condenação. Com estas considerações, e nos termos do voto do relator, o Colegiado deu parcial provimento à apelação para absolver a apelante do crime de usurpação, mantendo os demais termos da sentença condenatória.  A decisão foi unânime.  Processo 0037355-03.2015.4.01.3800 Data do julgamento: 17/11/2020 Data da publicação: 08/12/2020 RBPS Assessoria de Comunicação Social Tribunal Regional Federal da 1ª Região    
23/06/2021 (00:00)
Visitas no site:  328748
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.